a OBSERVATÓRIO DA PAX: Agosto 2015

segunda-feira, 31 de agosto de 2015

Christians unite in prayers for the healing of creation | Conference of European Churches

Christians unite in prayers for the healing of creation: The Conference of European Churches encourages all to join in a day of prayer for creation and its healing. On 1 September, Orthodox, Protestant, Anglican, Roman Catholic and other Christians around the world will offer thanksgiving for the gifts of creation and pray for its protection and renewal.

Commemoration of this day dates to 1989 with an invitation from the late Ecumenical Patriarch Dimitrios I of Constantinople to all Christians to pray for the protection of the environment. Observation of this day has since grown to a global ecumenical observation. This year, Pope Francis announced a World Day of Prayer for the Care of Creation to coincide with this significant date.

This day is important for CEC’s ecological and ecumenical concerns. “The desire for climate justice is uniting Christians across Europe, especially as we prepare for the United Nations Climate Change Conference in Paris in December,” remarked CEC General Secretary Rev. Dr Guy Liagre. “A day of prayer reminds us that our work must be spiritual as well as practical.” ...

sábado, 29 de agosto de 2015

Recursos para celebrar o 1º Dia Mundial de Oração pelo Cuidado da Criação | Pax Christi Portugal

Recentemente o Papa Francisco instituiu o dia 1 de Setembro como o Dia Mundial de Oração pelo Cuidado da Criação, data que é comemorada desde 1989 pela Igreja Ortodoxa.

Segundo o Papa, "o Dia Mundial de Oração pelo Cuidado da Criação oferecerá a cada fiel e às comunidades a preciosa oportunidade para renovar a adesão pessoal à própria vocação de guardião da criação..."

Neste contexto deixamos aqui alguns recursos publicados pela Pax Christi Portugal relacionados com o tema do cuidado da criação:










Etiquetas: ,

terça-feira, 25 de agosto de 2015

Anglicans called to join worldwide Day of Prayer for the Care of Creation

Anglicans called to join worldwide Day of Prayer for the Care of Creation: The Primate of the Anglican Church of Southern Africa, Archbishop Thabo Makgoba, has called on Anglicans everywhere to join Orthodox, Roman Catholic, Lutheran and other Christians in a World Day of Prayer for the Care of Creation on 1 September.
The first day of September has become a significant date for Christians caring for the environment. The Orthodox Church has celebrated a Day of Prayer for the Environment on 1 September since 1989 and earlier this month Pope Francis established a ‘World Day of Prayer for the Care of Creation’ in the Roman Catholic Church which will be held annually on the same date. ...

Anglican Communion News Service

quarta-feira, 12 de agosto de 2015

PENÍNSULA ARÁBICA | Documentário AIS na RTP2

A Fundação AIS, juntamente com a ECCLESIA, do Secretariado Nacional das Comunicações Sociais da Igreja, irá divulgar cinco documentários da AIS sobre a Igreja que passa por dificuldades em várias partes do mundo.

Os documentários serão transmitidos no programa Ecclesia, na RTP2, pelas 15H30.

O terceiro documentário da Fundação AIS será transmitido no dia 12 DE AGOSTO (4ª feira).


PROGRAMAÇÃO:
5 de Agosto - PAQUISTÃO | Os cristãos no Paquistão
12 de Agosto - PENÍNSULA ARÁBICA | Os cristãos na Península Arábica
19 de Agosto - EGIPTO | Estigmatizados pela cruz
26 de Agosto - FILIPINAS | Silsilah: Uma ligação ao Todo-Poderoso
2 de Setembro - PAQUISTÃO | Cidade do Medo

AIS

terça-feira, 11 de agosto de 2015

“Vence a indiferença e conquista a paz”: Tema do 49º Dia Mundial da Paz, 1 de janeiro de 2016

“Vence a indiferença e conquista a paz”. Este é o título da Mensagem para o 49º Dia Mundial da Paz, a terceira do Papa Francisco. A indiferença em relação aos flagelos do nosso tempo é uma das causas principais que prejudica a paz no mundo. A indiferença hoje é, frequentemente, associada a várias formas de individualismo que produzem isolamento, ignorância, egoísmo e isso leva ao desinteresse. O aumento das informações em si não é sinónimo de maior atenção aos problemas, se não for acompanhado por uma abertura das consciências no sentido de solidariedade; para obter tal objetivo é indispensável a contribuição que podem dar, além das famílias, os educadores, todos os formadores, os agentes culturais e dos media, os intelectuais e os artistas. Na verdade, a indiferença pode ser vencida somente enfrentando juntos este desafio.

A paz deve ser conquistada: não é um bem que se obtém sem esforços, sem conversão, sem criatividade e sem dialética. Trata-se de sensibilizar e formar ao sentido de responsabilidade em relação às graves questões que afligem a família humana, como o fundamentalismo e seus massacres, as perseguições por causa da fé e de pertença étnica, as violações da liberdade e dos direitos dos povos, o abuso e a escravidão das pessoas, a corrupção e o crime organizado, as guerras que causam o drama dos refugiados e dos emigrantes forçados. Este trabalho de sensibilização e de formação olhará, ao mesmo tempo, também às oportunidades e possibilidades para combater esses males: o amadurecimento de uma cultura da legalidade e a educação ao diálogo e à cooperação são, neste contexto, formas fundamentais de reação construtiva.

Uma área na qual se pode construir a paz quotidianamente superando a indiferença é aquele das formas de escravidão presentes no mundo, às quais foi dedicada a Mensagem para o Dia Mundial da Paz de 2015, “Já não escravos, mas irmãos”. É necessário levar adiante esse compromisso, com maior consciência e colaboração.

A paz é possível lá onde o direito de cada ser humano é reconhecido e respeitado, segundo a liberdade e a justiça. A Mensagem de 2016 pretende ser um ponto de partida para todas as pessoas de boa vontade, em particular àquelas que atuam na educação, na cultura e nos meios de comunicação, para que ajam, cada uma segundo suas próprias possibilidades e de acordo com as melhores aspirações, para construírem juntas um mundo mais consciente e misericordioso e, portanto, mais livre e mais justo.

News.va

1 de setembro: Dia Mundial de Oração pelo Cuidado da Criação

CARTA DO PAPA FRANCISCO
POR OCASIÃO DA INSTITUIÇÃO
DO "DIA MUNDIAL DE ORAÇÃO PELO CUIDADO DA CRIAÇÃO"
[1° DE SETEMBRO]

Aos Venerados Irmãos

Cardeal Peter Kodwo Appiah TURKSON
Presidente do Pontifício Conselho da Justiça e da Paz

Cardeal Kurt KOCH
Presidente do Pontifício Conselho para a Promoção da Unidade dos Cristãos

Compartilhando com o amado irmão o Patriarca Ecuménico Bartolomeu as preocupações pelo futuro da criação (cf. Cart. Enc. Laudato si’, 7-9), e acolhendo a sugestão de seu representante, o Metropolita Ioannis de Pérgamo, um dos convidados na apresentação da Encíclica Laudato si’ sobre o cuidado da casa comum, desejo comunicar-vos que decidi instituir também na Igreja Católica o "Dia Mundial de Oração pelo Cuidado da Criação" que, a partir do ano corrente, será celebrado no dia 1° de Setembro, assim como já ocorre há tempos na Igreja Ortodoxa.

Como cristãos, queremos oferecer a nossa contribuição para a superação da crise ecológica que a humanidade está vivendo. Por isso devemos, antes de tudo, buscar no nosso rico património espiritual as motivações que alimentam a paixão pelo cuidado da criação, lembrando sempre que para aqueles que crêem em Jesus Cristo, Verbo de Deus que se fez homem por nós, «a espiritualidade não está desligada do próprio corpo nem da natureza ou das realidades deste mundo, mas vive com elas e nelas, em comunhão com tudo o que nos rodeia» (ibid., 216). A crise ecológica nos chama, portanto, a uma profunda conversão espiritual: os cristãos são chamados a uma «conversão ecológica, que comporta deixar emergir, nas relações com o mundo que os rodeia, todas as consequências do encontro com Jesus» (ibid., 217). De fato, «viver a vocação de guardiões da obra de Deus não é algo de opcional nem um aspecto secundário da experiência cristã, mas parte essencial duma existência virtuosa» (ibid.).

Anualmente, o Dia Mundial de Oração pelo Cuidado da Criação oferecerá a cada fiel e às comunidades a preciosa oportunidade para renovar a adesão pessoal à própria vocação de guardião da criação, elevando a Deus o agradecimento pela obra maravilhosa que Ele confiou ao nosso cuidado, invocando a sua ajuda para a protecção da criação e a sua misericórdia pelos pecados cometidos contra o mundo em que vivemos. A celebração deste Dia, na mesma data, com a Igreja Ortodoxa, será uma ocasião profícua para testemunhar a nossa crescente comunhão com os irmãos ortodoxos. Vivemos num tempo em que todos os cristãos enfrentam idênticos e importantes desafios, diante dos quais, para ser mais críveis e eficazes, devemos dar respostas comuns. Por isto, é meu desejo que este Dia também possa envolver, de alguma forma, outras Igrejas e Comunidades eclesiais, e ser celebrado em sintonia com as iniciativas que o Conselho Mundial de Igrejas promove sobre este tema.

Ao senhor, Cardeal Turkson, Presidente do Pontifício Conselho da Justiça e da Paz, peço para que leve ao conhecimento das Comissões Justiça e Paz das Conferências Episcopais, bem como dos Organismos nacionais e internacionais comprometidos no âmbito ecológico, a instituição do Dia Mundial de Oração pelo Cuidado da Criação, para que, em harmonia com as exigências e as situações locais, a celebração seja devidamente organizada com a participação de todo o Povo de Deus: sacerdotes, religiosos, religiosas e fiéis leigos. Para este fim, será de responsabilidade deste Dicastério, em colaboração com as Conferências Episcopais, implementar oportunas iniciativas de promoção e de animação, para que esta celebração anual seja um momento forte de oração, reflexão, conversão e uma oportunidade para assumir estilos de vida coerentes.

Ao senhor, Cardeal Koch, Presidente do Pontifício Conselho para a Promoção da Unidade dos Cristãos, peço que providencie os contactos necessários com o Patriarcado Ecuménico e com as outras realidades ecuménicas, para que tal Dia Mundial possa tornar-se sinal de um caminho percorrido conjuntamente por todos os que crêem em Cristo. Será responsabilidade deste Dicastério, além disto, cuidar da coordenação com iniciativas similares tomadas pelo Conselho Mundial de Igrejas.

Ao fazer votos duma mais ampla colaboração para o bom início e desenvolvimento do Dia Mundial de Oração pelo Cuidado da Criação, invoco a intercessão da Mãe de Deus, Maria Santíssima, e de São Francisco de Assis, cujo Cântico das Criaturas inspira tantos homens e mulheres de boa vontade a viver no louvor do Criador e no respeito pela criação. Corrobora estes votos a Bênção Apostólica, que de coração concedo a vós, Senhores Cardeais, e a todos aqueles que colaboram no vosso ministério.

Vaticano, 6 de Agosto de 2015
Festa da Transfiguração do Senhor

FRANCISCUS

Etiquetas: ,

segunda-feira, 10 de agosto de 2015

Papa Francisco institui «Dia Mundial de Oração pelo Cuidado da Criação» | Agência Ecclesia

Agência Ecclesia - Vaticano: Papa institui «Dia Mundial de Oração pelo Cuidado da Criação»: Cidade do Vaticano, 10 ago 2015 (Ecclesia) – O Papa Francisco instituiu na Igreja Católica o "Dia Mundial de Oração pelo Cuidado da Criação", que se vai realizar anualmente a partir do próximo dia 1 de setembro, iniciativa com sentido ecuménico porque a mesma data é comemorada pela Igreja Ortodoxa.
“Como cristãos queremos oferecer a nossa contribuição à superação da crise ecológica que a humanidade está a viver. Por isto devemos, antes de tudo, procurar no nosso rico património espiritual as motivações que alimentam a paixão pelo cuidado da criação, recordando sempre os que creem em Jesus Cristo, Verbo de Deus que se fez homem por nós”, explicou o Papa. ...

Etiquetas: ,