a OBSERVATÓRIO DA PAX: Nota da Comissão Episcopal da Pastoral Social e Mobilidade Humana para o Dia Mundial de Oração pelo Cuidado da Criação (1 de Setembro)

sábado, 1 de setembro de 2018

Nota da Comissão Episcopal da Pastoral Social e Mobilidade Humana para o Dia Mundial de Oração pelo Cuidado da Criação (1 de Setembro)

“O urgente desafio de proteger a nossa casa comum inclui a preocupação de unir toda a família humana na busca de um desenvolvimento sustentável e integral, pois sabemos que as coisas podem mudar” (Papa Francisco, enciclica ‘Laudato si’, n.º13)

As coisas podem mudar! Sabemos que sim. Não nos podemos resignar à existência «das dramáticas consequências da degradação ambiental na vida dos mais pobres do mundo» (LS, 13) como se elas fossem uma fatalidade.

Não podemos deixar cair os braços. Não podemos desanimar. Muitas são as vertentes que nos exigem uma verdadeira conversão.

O Papa Francisco, quer na sua recente Carta ao Povo de Deus, quer nas suas intervenções do Encontro Mundial das Famílias, na Irlanda, alerta-nos para uma diversidade de situações que requerem intervenção urgente e determinada.

Estamos dispostos a mudar o nosso coração e os nossos hábitos pessoais. Mas «mudar o rumo ou converter-se integralmente não se esgota numa conversão individual», como afirma o Documento preparatório para o Sínodo da Amazónia, a realizar em Outubro de 2019.

«Uma mudança profunda do coração, que se exprime em mudanças de hábitos pessoais, é tão necessária quanto uma mudança estrutural que esteja embutida nos hábitos sociais, nas leis e nos programas económicos convencionados» (n. 9).

Queremos empenhar-nos em cultivar a terra de forma a que ela possa dar frutos de paz. Queremos ser pessoas que cuidem da nossa casa comum de forma criativa e responsável, sempre prontos a corrigir o rumo das nossas decisões quando percebemos que não devemos prosseguir por determinado caminho, dadas as consequências que, entretanto, se conseguiram vislumbrar.

Reconhecemos, com uma grata esperança, que são as novas gerações aquelas que, entre nós, mais se têm empenhado na reflorestação e na limpeza das praias e dos matos e saudamos a inclusão, no currículo escolar, de temas que contribuem para uma educação ecológica.

É com expectativa que esperamos os melhores resultados da COP24, a 24ª Conferência sobre o Clima (ONU) a realizar na Polónia no próximo mês de Dezembro.

A Comissão Episcopal de Pastoral Social e Mobilidade Humana convida todas as comunidades cristãs a dar graças a Deus pela Criação e a pedir ao Criador a conversão dos nossos corações e a dos corações daqueles de quem dependem as leis e os programas económicos que permitem uma verdadeira mudança estrutural.

29 de Agosto de 2018

Comissão Episcopal da Pastoral Social e Mobilidade Humana

Agência Ecclesia

Etiquetas:

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home